Cultura prorroga inscrições para Festival da Canção online

Poderão ser cadastradas composições feitas por crianças, adolescentes e jovens de 7 a 24 anos


A Secretaria Municipal de Cultura prorrogou a inscrição para o Festival Suzanense da Canção (Fesc), voltado ao público infantil, juvenil e jovem. Agora, os interessados terão até o dia 16 de maio para se cadastrarem exclusivamente pelo formulário digital presente no site www.culturadesuzano.com.br/edital. A mostra é destinada para todos os gêneros e estilos da música brasileira, com a finalidade de incentivar e desenvolver a cultura musical produzida em Suzano.


Poderão ser inscritas composições feitas por crianças de 7 a 12 anos, por adolescentes de 13 a 17 anos e por jovens de 18 a 24 anos. No caso dos menores de idade, o edital solicita dois termos: um atestando a autorização da participação dada pelo responsável e outro do proponente concordando com a representação legal de quem assinou o primeiro documento. Ressalte-se ainda que os proponentes devem ser maiores de 18 anos e residentes de Suzano, assim como o compositor ou intérprete.


Após o encerramento dos cadastros, a comissão avaliadora selecionará cinco canções de cada categoria e, ainda em maio, uma lista dos selecionados será divulgada nos portais oficiais da Prefeitura de Suzano e da Secretaria Municipal de Cultura. Já a data da apresentação das 15 canções em uma transmissão pela Internet será divulgada posteriormente.


Todas as composições selecionadas na categoria infantil ganharão R$ 300 e não irão a júri popular. Ao fim das apresentações, será aberta uma votação on-line. Nesta fase, o público fará a escolha da ordem de colocação das duas categorias restantes: juvenil e jovem. Os prêmios serão R$ 1 mil para o primeiro colocado, R$ 700 para o segundo, R$ 500 para o terceiro e R$ 300 para o quarto e para o quinto.


A coordenadora de música da pasta, Carla Shinabe, destaca que o Fesc é só uma das primeiras ações da linguagem na cidade e que o objetivo da pasta é fomentar cada vez mais concursos musicais. O vice-prefeito e secretário Walmir Pinto, por sua vez, salientou que as ações empreendidas continuarão a se intensificar para melhor atender e demonstrar a força cultural do município. “Cultura é feita pelo povo e para o povo. É nisso que acreditamos”, finalizou.






24 visualizações0 comentário